Cada corpo tem a sua beleza…

Escolher um “look” adequado ao tipo físico é fundamental, pois assim, é possível mostrar a real beleza de cada corpo. Seguindo alguns passos básicos a escolha fica mais fácil nessa hora… Então vamos lá!

– identifique as áreas que precisam de discrição (volume na região da cintura, ombros muito largos, seios volumosos, braços “cheinhos”, etc.);

– identifique as áreas que merecem destaque (colo bem cuidado, seios harmoniosos, cintura no lugar e fina, pernas torneadas e afins);

– identifique qual a proporção/ relação entre as três linhas guias do corpo: ombros, cintura e quadril;

– através dessa relação, identifique se o corpo pertence aos retilíneos (retângulo, triângulo invertido) ou curvilíneos (triângulo/ pêra, ampulheta, oval; redondo).

O mais importante é criar uma harmonia entre ombros, cintura e quadril.

A palavra chave é harmonia!

Para exemplificar cada silhueta, e te ajudar a descobrir qual é o seu tipo físico, vamos ver algumas dicas. Também escolhi algumas imagens de celebridades, usando roupas erradas e certas, porque muitas vezes, mesmo contando com consultorias especializadas, elas também “escorregam” na hora de escolher o “look”.

 

Silhueta Retângulo

O que é? Mulheres com esse tipo de silhueta têm poucas curvas e uma cintura sem definição. Geralmente, as pernas e os braços são finos. As linhas dos ombros, cintura e quadril são parecidas.

O que fazer? Afinar e criar uma ilusão de cintura ou pelo menos, desviar o olhar deste ponto. Para isso procure chamar a atenção para os ombros ou para o rosto.

O que deve ser usado? Calças retas, camisetas/ camisas acinturadas em decotes “V” ou “U”, corte império, vestidos traspassados com cintura baixa e modelagem em linha “A”, cintos jogados sobre o “look” e tecidos fluídos.

Errado & Certo

 

Silhueta Triângulo Invertido

O que é? É uma silhueta que se apresenta com muito busto, ombros largos e quadril estreito e com pernas finas, em sua grande maioria.

O que fazer? Investir em roupas com detalhes na parte inferior, dando a impressão de que os ombros são menores, valorizando os quadris e as pernas para manter um equilíbrio entre os ombros e a parte inferior.

O que deve ser usado? Saias evasés, volumes na parte de baixo favorecem, calças com bolsos aparentes ou algum outro detalhe, blusas em cores escuras e vestidos acinturados com saia rodada e feitos em tecidos fluídos.

Errado & Certo

 

Silhueta Triângulo/ Pêra

O que é? Os ombros são menores, mais estreitos do que os quadris. As coxas volumosas contrastam com a cintura marcada.

O que fazer? Buscar o equilíbrio, aumentando a parte superior do corpo. Destacar a cintura, porém não marcá-la demais para não ficar desproporcional.

O que deve ser usado? Calças em cores escuras em cortes retos e secos, blusas chamativas em cores claras e/ ou estampados, ombreiras discretas, mangas ou golas com volumes/ detalhes e cintos na altura da cintura.

Errado & Certo

 

Silhueta Ampulheta

O que é? As linhas dos ombros e quadril são parecidas, alinhadas. A cintura é bem marcada e as coxas volumosas. É o mais harmonioso dos tipos físicos, aproveite para valorizar as formas e não as esconda.

O que fazer? Valorizar a cintura, suavizando as curvas. Alongar a silhueta para o busto não parecer ainda mais volumoso. É preciso ter precaução para a produção não ficar vulgar.

O que deve ser usado? Calças retas, cintura no lugar, ou minimamente baixa, saias em tecidos fluídos em modelagens evasés ou retas e levemente afuniladas, blusas com decotes em “V” ou “U” longe do pescoço, vestidos tipo envelope com recortes acinturados, cintos na cintura marcando-a suavemente, tecidos e modelagens de caimento suave.

Errado & Certo

 

Silhueta Oval/ Redondo/ Plus Size

O que é? Um tipo de silhueta onde quadril, cintura/ barriga, busto são volumosos.

O que fazer? Alongar a silhueta, chamando atenção e desviando os olhares para o rosto, colo e ombros.

O que deve ser usado? Calças retas e sem pregas, pantalonas em tecido fluído, saias retas, blusas com decote em “V” ou “U”, blusas com mangas fluídas, túnicas com fendas laterais, vestidos estilo chemisies, cores escuras, estampas sob fundo escuro e tecidos fluídos.

Errado & Certo

 

Agora que você já sabe qual é o seu tipo físico, e aprendeu algumas dicas para a melhor escolha do seu “look”, se jogue no seu guarda roupa e aproveite para criar novas propostas!!!!

 

Até sexta-feira que vem….

 

8 opiniões sobre “Cada corpo tem a sua beleza…

  • 23 de novembro de 2012 em 17:15
    Permalink

    Novamente Juliana Pio dá o “tom” certo de como você pode ousar sem errar. Nada é impossível e basta um pouco de critério na hora da escolha. Se você é daquelas que fica insegura na hora de montar o modelito, a melhor pedida é seguir as dicas que nossa Personal Stylist Juliana oferece com muita segurança e competência que lhe é peculiar. Parabéns Juliana Pio.

    Resposta
    • 23 de novembro de 2012 em 17:16
      Permalink

      Obrigada pelo carinho de sempre Miltinho! Bjos… 😉

      Resposta
  • 23 de novembro de 2012 em 18:29
    Permalink

    Juliana Pio e seus posts. Cada um melhor que o outro. Já estou ansiosa pra leitura do próximo. Beijo!

    Resposta
    • 23 de novembro de 2012 em 18:35
      Permalink

      Obrigada Lá! Bjos… 😀

      Resposta
  • 23 de novembro de 2012 em 22:36
    Permalink

    Adorei o post. E viva a diversidade corporal da mulher brasileira, respeitar as diferenças é necessário em todos seguimentos. E cada mulher tem sua beleza e seu melhor…….basta a gente saber valorizar…..Parabéns meninas. bjos

    Resposta
    • 24 de novembro de 2012 em 2:40
      Permalink

      Obrigada Bruna… Temos que valorizar sempre o melhor… E viva as diferenças!!!! Bjos… 😉

      Resposta
  • 25 de novembro de 2012 em 20:45
    Permalink

    Dizer que você acertou mais uma vez chega a ser repetitivo, Juliana Pio!
    Arrasando sempre!!!
    Acabei de descobri que após ganhar uns quilinhos meu corpo passou de ampulheta para triângulo/pera.
    E como disse a Bruna Barbalho, viva a diversidade da silhueta da mulher brasileira. Todas somos belas e podemos estar elegantes e bem vestidas independente do “tipo” de corpo e seguindo suas dicas não tem mais desculpa para errar. Como bem frisou nosso amigo Milton Boechat, podemos ousar sem medo de pecar!
    Beijos e já no aguardo do próximo post!

    Resposta
    • 25 de novembro de 2012 em 20:53
      Permalink

      Obrigada pelo carinho Romara… Todas podemos ficar belas, independente do nosso tipo físico!!!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *