Estilo… Qual é o seu?

Quando falamos de moda, logo vem outra palavra que sempre ronda as discussões… Estilo! E você sabe… O que é estilo? Qual é o seu estilo? Para a Consultora de Moda Gloria Kalil, “Estilo é mais do que uma maneira de se vestir, é um modo de ser e de se relacionar com o mundo.”

Nesse post, vamos mostrar quais são os principais estilos que desfilam pelas ruas…

 Estilo Esportivo/ Casual

Palavras-chaves: comunicação, básico, energia e praticidade.

Quais as características? Roupas confortáveis, que não apertam, peças com design esportivo, tecidos que ‘respiram’, naturais, duráveis, opacos e também os tecnológicos, detalhes tais como bolsos e zíperes. Cores vivas, neons, neutras e tons terrosos. Acessórios simples e funcionais: jóias e bijuterias pequenas, tênis e sapatos de salto baixo, anabela ou plataforma, óculos de sol esportivos, bonés, bolsas e sacolas grandes, mochilas e todos os acessórios possíveis para a prática de esportes.

  Estilo Elegante

Palavras-chave: segurança, sofisticação, formalidade, exigência e confiança.

Quais as características? Linhas “cleans”, limpas, poucos detalhes, peças que coordenam entre si. Somente itens de boa qualidade, que podem durar muitos anos, nada que seja muito tendência, muito moda. Corte e caimento perfeitos. Tecidos sofisticados e fluídos. Cores clássicas, neutras e discretas e também tom sobre tom, estampas e motivos abstratos. Jóias e semi-jóias. Sapatos e bolsas em couro legítimo.

 Estilo Clássico

Palavras-chave: conservadorismo, seriedade, formalidade, rigidez.

Quais as características? Roupas fluídas que não modelem o corpo. Apenas peças de qualidade garantida e comprovada. Cores sólidas, estampas miúdas e discretas. Tecidos nobres como lã pura, seda, crepe e linho. Peças clássicas, tais como o vestido preto, a calça jeans de cinco bolsos, a camisa branca, o terninho feminino, o tailleur, conjuntos e combinações prontas. Jóias de verdade e atemporais, como o colar de pérolas, por exemplo. Apenas couro legítimo. Relógios de altíssima qualidade. São grandes consumidores de marcas de luxo e tradicionais.

  Estilo Romântico

Palavras-chave: leveza, suavidade, sensibilidade e delicadeza.

Quais as características? Roupas com formatos e texturas delicadas, itens que tragam detalhes ricos, esplendorosos, rendas, laços, contas e fitas. Batas, vestidos rodados, curtos. Estampas florais, cores sutis, leves, sem muito contraste. Design arredondado em sapatos, bolsas e bijuterias. Estilo princesa ou rococó.

 Estilo Sexy

Palavras-chave: coragem, provocação, glamour e confiança.

Quais as características? A última moda, pois são seguidores de tendências (aqui é onde mais se encontra as “fashion-victims”). Tecidos que marcam e valorizam o corpo e suas curvas. Decotes, fendas, cavas e linhas reveladoras. Transparências e brilhos. Cores ousadas, chamativas, adora vermelho, preto e metalizados. Estampas de pele animal, tais como onça, zebra, leopardo, cobra, croco. Acessórios metalizados. Bijuterias volumosas.

 Estilo Antenado

Palavras-chave: inovação e originalidade.

Quais as características? Visual de várias cores. Misturas ousadas e improváveis. Tons sóbrios e apagados ou superfortes. Roupas e acessórios com cara de antigos, vintage. Acessórios rústicos ou étnicos. Estampas orientais e africanas, animal e xadrez. Tudo que tiver design exagerado ou que misturar antigo e moderno (lembrando que retrô é a releitura e vintage, peças originais).

 Estilo Urbano

Palavras-chave: modernidade, sofisticação e contemporâneo.

Quais as características? Roupas estruturadas. Tudo o que servir para o dia e para a noite. Cores sólidas ou luminosas. Tecidos de tramas fechadas ou tecidos pesados, com caimento. Adoram couro. Estampas exageradas, tais como grandes poás, geométricos ou abstratos. Tudo que trouxer densidade, tais como grandes plataformas e bolsas muito grandes e coloridas. Acessórios maxi.

Com essas dicas você conseguiu identificar qual é seu estilo?

Não é porque você se identifica mais com um estilo, que você não pode usar peças e/ ou acessórios que se enquadram em outro. Na verdade, o ideal é usar a moda a seu favor, lembrando sempre, qual o traje/ roupa melhor para cada ocasião, e que se encaixa com a sua silhueta, e criar assim, o seu próprio estilo. E como disse Coco Chanel: “A moda sai de moda, o estilo jamais.”

 Até a próxima sexta-feira…